sábado, 19 de janeiro de 2013

Pintando a orquídea: A artificial e requintada

"A formosa orquídea é 'exquise' e antipática. Não é espontânea. Requer redoma. Mas é mulher esplendorosa e isto não se pode negar. Também não se pode negar que é nobre porque é epífita. Epífitas nascem sobre outras plantas sem contudo tirar delas a nutrição. Estava mentindo quando disse que era antipática. Adoro orquídeas. Já nascem artificiais, já nascem arte."

(Clarice Lispector, do livro Água Viva)


Nenhum comentário:

Postar um comentário